segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

No coração do Amante divino



«Se a ovelhinha soubesse 
quanto amor arde por ela 
no coração do Amante divino 
não tornaria difícil a tarefa 
àquelas doces mãozinhas de Jesus, 
que desejam abraça-la 
e lançar-se-ia por si, 
nos Seus braços amorosíssimos.» 

Beata Maria Cândida da Eucaristia | 1884 - 1949
Novenas, Pensamentos e Poesias. 27

Jesus Menino,
como é desconhecida
à maior parte dos teus irmãos,
a largura, a profundidade,
a altura do amor
que arde no Teu coração
por cada um deles,
por cada um só!
Se o soubesse morreria de alegria!
E contudo vivo tantas vezes nesta vida
sem estar consciente deste amor
que se derrama como um oceano
sobre mim continuamente.
Não Te vejo, Senhor,
não me falas
e quando os meus sentidos Te não sentem,
esquecem…
Jesus Menino,
ajuda-me a viver de fé,
sem precisar dos sentidos,
mas apoiado na Tua Palavra
e nos sacramentos.
Então nascerão em mim sentidos novos
que em toda a parte Te verão
e Te sentirão vivo.
Assim seja!

Sem comentários:

Enviar um comentário