segunda-feira, 28 de julho de 2014

A banda



Conta-se uma história encantadora que dizem ser real, mas que também pode servir como uma bonita parábola.

Havia uma cidade pequena nos EUA na qual as pessoas se reuniam ao fim da tarde para tocarem música. Tinham saxofone, bateria, violino, na maioria tocados por pessoas idosas. Reuniam-se pela companhia e pela pura alegria de tocarem, mesmo não o fazendo muito bem. Por isso estavam a divertir-se, a passarem um bom momento, até que um dia decidiram ter um novo maestro, que tinha uma grande ambição e determinação. O novo maestro disse-lhes:

- "Ei, pessoal, temos de fazer um concerto. Temos de preparar um concerto para a cidade."

Depois, gradualmente, foi dispensando pessoas que não tocavam muito bem, contratou alguns músicos profissionais, pôs a orquestra em ordem e todos os nomes apareceram no jornal. Não foi fantástico? Então decidiram ir tocar numa cidade grande. Mas algumas das pessoas mais velhas tinham lágrimas nos olhos. Diziam:

- "Era tão bom nos velhos tempos quando tocávamos mal mas nos divertíamos."

Portanto, a crueldade chegou à vida deles, mas ninguém a reconheceu como crueldade.

Como dizia alguém: "Deus não nos quer perfeitos; Deus quer-nos inteiros!"

Sem comentários:

Enviar um comentário