segunda-feira, 28 de novembro de 2011



"Aproximou-se de Jesus um centurião que Lhe suplicou: "Senhor, o meu servo está em casa paralitico e sofre horrivelmente". Disse-lhe Jesus: "Eu irei curá-lo". Respondeu-lhe o centurião: "Senhor eu não sou digno de que entres em minha casa; mas diz uma só palavra e o meu servo ficará curado..."

Mt. 8, 5-11


Passamos os dias a pensar e a dizer: "tenho direito a...; não merecia isto...; porquê a mim...;" vitimizando-nos e envenenando-nos. Estou centrada em mim. Ao ler o centurião pensei que neste Advento podia mudar a direcção do ponteiro centrando-o mais em Jesus, e em vez de dizer "tenho direito a", direi: "não sou digna de". Ao olhar a vida de Jesus, penso: quais foram os Seus direitos? Mereceu o que teve?
"Senhor que no meu coração Te ouça dizer: "Eu irei curar-te!"

Teresa Olazabal

1 comentário:

  1. "Senhor que no meu coração Te ouça dizer:

    "Eu irei curar-te!"


    E para tanto,
    recomeçarei..acreditando
    dando-me, no todo, à Vida...
    perseverando no terno sentir das Tuas palavras.

    dulce ac

    ResponderEliminar