quinta-feira, 29 de abril de 2010

Vai e vive!



1984. Milhares de africanos oriundos de 26 países devastados pela fome encontram-se nos campos do Sudão. Numa iniciativa conjunta de Israel e dos Estados Unidos, é levada a cabo uma acção - a acção Moisés - para levar os milhares de Judeus etíopes para Israel.

E uma mãe é capaz de tudo para salvar o seu filho e abrir-lhe o caminho para um futuro melhor: Vai e vive!

.

2 comentários:

  1. LOUVOR AO AMOR DE MÃE

    "O amor de mãe pode tudo..."

    E pode mesmo...
    porque nesse amor há sempre muito mais do que esse amor

    há um Sol de lugares
    que nos aquece e nos aconchega
    de uma outra maneira
    onde não me esqueço e permaneço

    há um coração que firme
    resplandece em estrelinhas
    numa união perfeita... maior que perfeita

    há um abraço de um Amor sem fim
    com todo o tempo, sem tempo

    E num louvor absoluto a Deus me entrego
    por neste meu coração seres, Querida Mãe
    minha imperecível Esperança

    E ...

    "quando eu for pequeno, mãe,
    quero ouvir de novo a tua voz
    na campânula de som dos meus dias
    inquietos, apressados, fustigados pelo medo.
    Subirás comigo as ruas íngremes
    com a certeza dócil de que só o empedrado
    e o cansaço da subida
    me entregarão ao sossego do sono.
    (...)
    quando eu for pequeno, mãe,
    trarei as papoilas e os búzios
    para a tua mesa de tricotar encontros,
    e então ficaremos debaixo de um alpendre
    a ouvir uma banda a tocar
    (...)"

    (José Jorge Letria, "Quando eu for pequeno")

    dulce ac

    ResponderEliminar
  2. Quanta dor aquela mãe e outras, sofrem para salvarem seus filhos! Como é triste viver neste mundo tão egoista e cruel.
    Felizes as mães que podem ter sempre por perto os seus filhos.

    ResponderEliminar