quinta-feira, 23 de julho de 2009

Confundido



Gostaria de partilhar convosco o texto que foi lido na acção de graças da Eucaristia do 13º aniversário da minha ordenação sacerdotal:


Sinto-me confundido, Senhor:
Por ser pecador e perdoar,
Ser fraco e ajudar,
Ser miséria e espalhar felicidade;

Por ter dúvidas e ensinar certezas,
Ter tentações e santificar,
Viver numa encruzilhada e encaminhar;

Por ter chagas e curar,
Ter lágrimas amargas e consolar,
Ter espinhos e espalhar suavidade;

Por sentir contradições e ensinar a verdade,
Sentir a carne e defender o espírito,
Viver a solidão e congregar à minha volta...

Por tudo isto, minha alma vos louva, Senhor!
.

1 comentário:

  1. Obrigada Pe Nuno por partilhar conosco aquilo que também nós sentimos mas que não temos a coragem de o dizer e muito menos de o escrever.

    ResponderEliminar