quinta-feira, 1 de novembro de 2012



«Que procuramos expressar com este conjunto de verdades de FÉ?
Evidentemente, aquilo que nos é proposto para acreditar,
que é o conteúdo de todas as verdades reveladas e pregadas pela Igreja.
Quando o entendimento aceita o que lhe é proposto,
mas não pode conhecer com a sua própria visão,
dá o primeiro passo para a FÉ.
E esta não é senão a FÉ que se acredita,
uma actividade viva do espírito;
o convencimento de que Deus existe
e a aceitação convencida daquilo que Deus ensina
por intermédio da Sua Igreja.
Com esta vida de FÉ
levanta-se o espírito acima da sua actividade natural
sem se desprender de maneira alguma, da mesma.»


Santa Teresa Benedita da Cruz, Ciência da Cruz II, 2

Senhor Jesus,
dai-me a humildade interior que acolhe a FÉ,
que acolhe a Deus,
O qual não cabe na lógica fria dos meus pensamentos,
mas se eleva acima de todas as minhas potências e apreensões naturais.
A fria lógica, sem o dizer, tem por detrás a pretensão da autossuficiência.
A humildade, sem o dizer, tem por detrás a boa vontade do Amor.
Ajudai-me, Senhor, como dizia Sto. Agostinho: a “amar para crer”.


Sem comentários:

Enviar um comentário