sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Não temas!



"Naquele tempo... apareceu a José um Anjo do Senhor que lhe disse: 'José, filho de David, não temas em receber Maria, tua esposa, pois o que nela se gerou é fruto do Espírito Santo' ..."
(Do Ev. da Missa de hoje, Mt. 1, 18-.25)

Havia de ser connosco...! Duvida ali, coscuvilhice aqui, respeitos humanos acolá... NÃO! Nunca mais faríamos caso do que o Anjo do Senhor nos dissesse! Mas... será que o Senhor anda a mandar Anjos por aí com os Seus recados? E porque não? Maria e José "ouviram" o recado do Senhor trazido pelo Anjo porque eram pessoas de silêncio, de oração e da certeza de Deus. Como posso eu ouvir o que quer que seja que Deus me queira transmitir se não Lhe dou espaço, ouvidos? Temos tempo para tudo e todos, temos ouvidos para tudo e todos... mas escutar Deus no silêncio do meu coração... isso é outra conversa! A Deus, dou as minhas ordens, os "meus" recados, exijo-Lhe os meus pedidos, e tiro satisfações e zango-me se as coisas não correm como eu "acho" e quero....

"NÃO TEMAS JOSÉ... NÃO TEMAS NUNO... NÃO TEMAS ..., ..., ..., ..., ..."
.

2 comentários:

  1. Muito obrigada pelo recado! O silêncio de boca faz-se com alguma dificuldade, mas o silêncio de coração...

    ResponderEliminar
  2. Olá!

    O silêncio do coração!

    É neste silêncio que conseguiremos atingir o silêncio da nossa boca.
    É neste silêncio de predisposição a ouvir DEUS, a amá-LO e a querer segui-LO, a desejar fazer a Sua vontade!

    Um belissimo caminho a seguir.

    ResponderEliminar